terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Festa de Natal 2010 (III)


Festa de Natal 2010 (II)





Festa de Natal 2010 (I)





O Grupo 238 de Lagoa
comemorou o Natal
com as famílias
e amigos dos Escoteiros

No fim-de-semana de 11 e 12 de Dezembro, realizou-se a Festa de Natal, dos Escoteiros no Auditório do Convento de S. José – Lagoa. O espírito de Natal, chegou ao Grupo 238 de Lagoa (Associação dos Escoteiros de Portugal). Foi um fim-de-semana repleto de muitas actividades, baseadas na partilha e na solidariedade. Todos os Escoteiros, empenharam-se bastante, na preparação do espectáculo que apresentaram aos familiares e amigos na tarde de Sábado. O Auditório do Convento de S. José, foi pequeno para acolher todos os que associaram ao Grupo 238, na comemoração do Natal Escotista. Pelo palco passaram todas as Divisões (Alcateia, Tribo de Escoteiros, Tribo de Exploradores e Clã), que apresentaram peças, músicas e jogos alusivos à Quadra Natalícia. O momento alto da tarde, foram as peças da Tribo de Exploradores, brilhantemente apresentadas pelas Patrulhas Cavalo-marinho e Corvo, através das quais foram transmitidas mensagens alusivas à crise financeira, e à importância da poupança. No final da tarde, foram entregues os presentes do Grupo, a todos os Escoteiros. Este ano, a Chefia do Grupo ofereceu a todos os Escoteiros “Mealheiros do ACNAC”, para que os Euros amealhados, possam ser utilizados na inscrição do Acampamento Nacional, que se realizará em Agosto de 2011. Em clima bastante familiar e de partilha, foi servido o jantar que reuniu todos os Escoteiros, familiares e amigos, ao qual se seguiu o “Serão de Cinema de Natal”, no qual foi visionado o filme: “Santa Claus”. No Domingo, a manhã foi dedicada ao Atelier “Doces de Natal”, no qual os Escoteiros colocaram mãos à obra e confeccionaram bolinhos para o lanche com os Séniores do Centro Popular de Lagoa – Lar “O Nosso Ninho”. A tarde foi passada no Lar “ O Nosso Ninho”, e foi bonito assistir à animação que os Escoteiros proporcionaram aos Séniores, utentes daquela instituição. Para além das cantigas e peças de teatro apresentadas, os Lobitos com a ajuda da Áquêlà construíram bolas com as cores do Lenço do Grupo 238 (Laranja, Branco e Preto), para oferecerem aos Séniores. A Árvore de Natal do Lar, ficou ainda mais colorida e Natalícia. Durante o lanche, Escoteiros e Séniores, deliciaram-se com os bolinhos e com o chá. Foi sem dúvida o espírito de Natal, a partilha e a importância do Eu e do Outro que marcou aquela maravilhosa tarde vivida no Lar “O Nosso Ninho”.

Repórter 238

domingo, 12 de dezembro de 2010

Poema de Natal




Se Eu Pudesse



Se eu pudesse
Eu queria
A todo o mundo
dar Alegria
Paz, Pão
e muito Amor
Habitação
E dar valor
ao Ser Humano
em qualquer lugar
sem raça, cor
ou religião descriminar.

Se eu pudesse
Eu fazia
uma grande revolução
Para que ninguém passasse fome
ou outro tipo de privação
Festejaria cada dia
Como algo especial
Reunia as famílias
Como se faz no Natal.
Um intercâmbio de afectos
Eu iria promover
Muitas prendas haveria
dando a todos prazer
Isto tudo e muito mais
Eu faria se pudesse
A todos daria saúde
Para que ninguém morresse.

Mas tudo isto é utopia
A realidade é bem diferente
Não faz mal porém sonhar
A fantasia, ajuda a gente!




Poema dito pela Caminheira Adriana Amores

Festa de Natal 2010


FELIZ NATAL
O Grupo 238 de Lagoa, da Associação dos Escoteiros de Portugal, deseja a todos os seus companheiros Escoteiros, familiares, amigos e colaboradores um Feliz Natal de 2010. (Este postal foi realizado pela Escoteira Bárbara Guerreiro).

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Árvore de Natal







Grupo 238 de Lagoa
decora a sua Árvore de Natal
Os Escoteiros do Grupo 238 de Lagoa,
preparam a época Natalícia

Na Sede do Grupo 238 de Lagoa (Associação dos Escoteiros de Portugal), já se vivencia a Quadra Natalícia e as decorações desta época tão especial, começaram com a decoração da Árvore de Natal do Grupo. Este ano, a árvore tem um significado e simbolismo particulares, pois todos os enfeites têm as cores do Grupo, ou seja: o branco, o laranja e o preto.

Durante o Sábado passado, a tarde foi repleta de cor e alegria. Os Lobitos, Escoteiros, Exploradores, Caminheiros e Chefes, decoraram a Árvore de Natal e prepararam a Festa de Natal, que se realizará no dia 11 de Dezembro, com os familiares e amigos.
Repórter 238

sábado, 4 de dezembro de 2010

Preparação para o Natal







Preparação para
a Festa de Natal 2010
Neste fim-de-semana, o Grupo 238, esteve muito empenhado na preparação da actividade que se realizará no próximo fim-de-semana. Realizaremos um acantonamento na Sede, Festa de Natal com os nossos familiares e amigos e, como é tradicional, todas as Divisões participaram na limpeza geral e na decoração da árvore de Natal, desta vez com uma característica interessante: foram usadas as cores do nosso lenço e como podem ver ficou linda.

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Passaporte Escotista 238



Passaporte Escotista
Concurso Intra-Grupo 238
A Chefia do Grupo 238 deliberou criar um "Passaporte" Escotista, para que nele se registe pelos Chefes de Divisão, os créditos que cada Escoteiro adquira para o Concurso Intra-Grupo, que reconhecerá o mérito dos mais empenhados. Ao mesmo tempo, faz referência ao Ano Escotista de 2010 e 2011, contemplando as 52 semanas do ano com as actividades aprovadas pelo PAG calendarizadas que também servirá para a tua agenda, faz referência à tua identificação escotista e aos teus contactos, Notas, Observações, aos pontos de Mérito que adquiras, às presenças e faltas semanais e por actividade, e tem uma breve resenha biográfica sobre a vida do Fundador.
Aproveitamos para te relembrar e a todos aqueles que ainda não o fizeram, de que está a pagamento, na Secretaria da Sede do 238, a Quota Nacional para 2011, (valor igual ao do ano passado), sem a qual não poderás participar nas nossas actividade em toda a plenitude que mereces. O prazo termina no Sábado, dia 28 de Novembro... fica sempre pronto e atento a este assunto. "Quem não tem Quota Anual e Seguro Escotista, enfrenta um caminho duro".
Sempre Pronto para Servir
O Escoteiro Chefe de Grupo
Miguel Ângelo M. Boto
ECG238

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Instrumento da Semana - Timbalão





Fanfarra S. Jorge,
um grande projecto Escotista

Os Escoteiros do Grupo 238 de Lagoa, preparam as apresentações públicas da Fanfarra, agendadas até final de 2010.
Na Fanfarra S. Jorge, o Explorador Gonçalo Nascimento e os Caminheiros Fábio Palma e Nuno Pascoal, tocam os Timbalões, que tecnicamente são classificados como instrumentos de percussão, também conhecidos por “Caixas de Guerra”.
Os Timablões são construídos em formato cilíndrico, com duas peles (bimembranofones) e têm profundidade intermediária entre a
caixa e o surdo. São tocados com baquetas.
O Timbalão possui um anel metálico para fixar cada pele, e um sistema de fixação que permite a sua afinação. Os Timablões são tocados em conjuntos de afinação.
Por ser afinável, este instrumento permite a execução de notas com
altura definida, e é utilizado para executar sequências rítmico-melódicas, em geral em grande velocidade.

Instrumento da semana: Timbalão

Executantes: Explorador Gonçalo Nascimento e Caminheiros Fábio Palma e Nuno Pascoal.

O que significa para ti a Fanfarra S. Jorge?
Gonçalo Nascimento: Um grupo de diversão.
Fábio Palma: A Fanfarra é um dos projectos Escotistas que mais gosto de praticar e de estar envolvido. Eu já tinha pertencido a um projecto semelhante e há muitos anos que ouvia a Fanfarra. Penso até que o facto de ter começado a tocar nos Escoteiros, tenha sido uma das razões pelas quais comecei a gostar de música.
Nuno Pascoal: Significa animação, unidade e diversidade, porque é composta por Escoteiros das diferentes Divisões do nosso Grupo.

Como são os ensaios?
Gonçalo Nascimento: São momentos muito divertidos e interessantes, porque aprendo.
Fábio Palma: Os ensaios são momentos formais, de aprendizagem rítmica e também de grande convívio Escotista.
Nuno Pascoal: São momentos de muita qualidade, onde aprendemos bastante e onde exercitamos os nossos conhecimentos musicais.

Como foi a escolha do teu instrumento musical?
Gonçalo Nascimento:
Fui eu que escolhi, quando o Chefe Miguel Boto começou a construir a Fanfarra. Escolhi o Timbalão, porque me pareceu o mais o engraçado.
Fábio Palma: Foi o Chefe Miguel Boto que me propôs, porque sou um dos elementos que mais entendo de música. O Chefe propôs-me este instrumento porque os Timbalões são o “motor” rítmico da Fanfarra.
Nuno Pascoal: Fui eu que escolhi o Timbalão, porque o Clarim é muito difícil de tocar, as Caixas são chatas, os Pratos fazem muito barulho e o Bombo é muito pesado.

Qual é o tipo de apresentação pública em que mais gostas de actuar?
Gonçalo Nascimento:
Gosto particularmente das Aberturas das Actividades Escotistas, porque gosto que a Fanfarra deixe as pessoas “de boca aberta”.
Fábio Palma: Gosto mais de actuar em Arruadas, em grandes cidades, pois nesse tipo de apresentação temos sempre um maior número de público a assistir.
Nuno Pascoal: Gosto muito das inaugurações, porque é o tipo de actuação que tem mais impacto.

Onde gostarias de actuar com a Fanfarra S. Jorge no futuro?
Gonçalo Nascimento:
Gostava muito de actuar na Abertura Oficial do Acampamento Nacional da AEP (ACNAC 2011), que se realizará de 01 a 07 de Agosto, na Serra do Caramulo.
Fábio Palma: Gostava que pudéssemos actuar em Castelo Branco, onde actualmente estou a estudar música. Teria a oportunidade de mostrar que além de tocar Acordeão, também sei tocar Timbalão num projecto tão nobre como é a Fanfarra S. Jorge.
Nuno Pascoal: Gostava muito de actuar na Abertura de uma Convenção da NATO.

Contactos para actuações (Arruadas, Desfiles, Hastear de Bandeiras, Cerimónias, Inaugurações de monumentos, ruas, comemorações, entre outros).

Miguel Boto (Escoteiro Chefe de Grupo);

Repórter 238

domingo, 7 de novembro de 2010

Instrumento da Semana - Pratos





Fanfarra S. Jorge não pára

Os Escoteiros do Grupo 238 de Lagoa, ensaiam afincadamente todas as semanas, as apresentações públicas da Fanfarra.

S. Jorge, imortalizado no conto em que mata o dragão, é o Santo Padroeiro em diversas partes do mundo: Inglaterra, Portugal, Geórgia, Catalunha, Lituânia e cidade de Moscovo, além de ser padroeiro dos Escoteiros e da Cavalaria, daí o facto de ter sido dado o seu nome à Fanfarra do Grupo 238 de Lagoa (Associação dos Escoteiros de Portugal).

Na Fanfarra, a Exploradora Catarina Rosa, toca os Pratos, que é o nome genérico atribuído a vários instrumentos musicais de percussão, construídos a partir de uma liga de metal, geralmente, à base de bronze, cobre e/ou prata.

Podem ser percutidos com um par de bastões chamados de baquetas, ou golpeando-se cada um dos pratos contra o outro, deixando-os depois vibrar livremente, ou ainda abafando a vibração imediatamente após o impacto, de acordo com o efeito desejado.

Instrumento da semana: Pratos
Executante: Exploradora Catarina Rosa
O que significa para ti a Fanfarra S. Jorge?
A Fanfarra S. Jorge é um dos vários projectos que existem no nosso Grupo, onde aprendo e me divirto bué.
Como são os ensaios?
Os ensaios são uma adrenalina e servem para nos aperfeiçoarmos semanalmente, para que as actuações sejam sempre melhores e para que quem assiste goste.
Como foi a escolha do teu instrumento musical?
Eu já tinha participado noutro projecto semelhante, e na altura fui convidada para tocar Pratos. No Grupo 238, quando surgiu a Fanfarra, a escolha do instrumento nem se colocou, foram-me logo atribuídos os Pratos, e eu fiquei muito contente.
Quais são as principais apresentações públicas que a Fanfarra realiza?
Realizamos principalmente Arruadas, Desfiles, Hastear de Bandeiras, Cerimónias, Inaugurações de monumentos, ruas, entre outros.
Qual é o tipo de apresentação pública em que mais gostas de actuar?
Gosto principalmente dos Hastear de Bandeiras, porque à medida que as bandeiras sobem, a Fanfarra acompanha com o rufar, e no final os Pratos e o Bombo marcam a cerimónia com um toque especial.
Como poderá ser contactada a Fanfarra, para actuações?
A Fanfarra poderá ser contactada através do Escoteiro Chefe de Grupo (Miguel Boto) que é o Coordenador projecto, através dos seguintes contactos: grupo238@escoteiros.pt ou http://grupo238lagoa.blogspot.com/

Repórter 238

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Instrumento da Semana - Bombo





Escoteiros estreiam
a Fanfarra S. Jorge
A cidade de Olhão, foi o local escolhido para a apresentação pública da Fanfarra dos Escoteiros de Lagoa No passado dia 16 de Outubro de 2010, por ocasião do Jota/Joti, o Grupo 238 de Lagoa, estreou a Fanfarra São Jorge, na Abertura Oficial daquela actividade. A Fanfarra apresenta-se como um tipo de banda musical, composta por Escoteiros, Exploradores, Caminheiros e Escoteiros Chefes, num total de 15 elementos, que todas as semanas ensaiam com afinco os ritmos e as exibições públicas.
Patrocinada ao mais alto nível pela Junta de Freguesia de Lagoa, na Fanfarra S. Jorge, os Escoteiros aprendem a tocar diversos instrumentos musicais, tais como: Bombo, Pratos, Timbalão, Caixa e Clarim.
O Escoteiro Chefe Nuno Ferro, toca o Bombo que é um tambor cilíndrico de grande dimensão, de som grave e seco. Nos desfiles, o Bombo é transportado à frente do peito, pendurado nos ombros por cintas de couro (talabarte), e é percutido em ambas as membranas, por duas macetas, uma em cada mão.
Instrumento da semana: Bombo
Executante: Escoteiro Chefe Nuno Ferro
O que significa para si a Fanfarra S. Jorge?
A Fanfarra S. Jorge é um dos vários projectos do Grupo 238 de Lagoa, da Associação dos Escoteiros de Portugal. Assume-se como um sub-grupo, que visa a educação musical e pretende através das suas apresentações públicas, promover e dignificar o Escotismo e a cidade de Lagoa em particular.
Como são os ensaios?
Os ensaios são semanais, sob a coordenação do Escoteiro Chefe Miguel Boto.Todas as semanas, os 15 elementos que compõem a Fanfarra S. Jorge, tocam afincadamente, mas também nos divertimos e aprendemos muito.
Como vivenciou a estreia pública da Fanfarra?
Foi um momento muito especial para todo o Grupo 238. Há muito que ansiávamos por tal acontecimento, que ficará na memória de todos, pois tivemos o privilégio de abrir uma actividade de âmbito regional.
Quais são as principais apresentações públicas que a Fanfarra realiza?
Realizamos principalmente Arruadas, Comemorações, Desfiles e Hastear de Bandeiras.
Os nossos contactos são:
ou
Repórter 238

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Tomada de Posse do PMCR



No Conselho Regional de 10 de Julho de 2010, o Escoteiro Chefe Nuno Ferro, foi eleito Presidente da Mesa do Conselho Regional.A Tomada de Posse, teve lugar no Encerramento do Jota/Joti 2010, a 17 de Outubro.

terça-feira, 19 de outubro de 2010